A morte de Maria José Brandão- a pérola mais triste!

Comentários

10

Mariane

novembro 12, 2014 3:37 pm Responder

A culpa é da impunidade. Até quando??

Daniele Meurer Ferreira

novembro 12, 2014 4:07 pm Responder

Nota de Esclarecimento – Aplicação de hidrogel “Aqualift” nos glúteos em Goiânia-GO
A Sociedade Brasileira de Biomedicina Estética – SBBME, por meio de sua diretoria, tendo em vista a ostensiva divulgação em mídia de fatos envolvendo óbito da Sra. Maria José Medrado de Souza Brandão após realização de procedimento de aplicação de hidrogel “Aqualift” nos glúteos em Goiânia-GO, vem a público esclarecer o quanto segue.
O Conselho Federal de Biomedicina – CFBM regulamentou a atividade de ‘biomédico esteta’ através das Resoluções n. 197, de 21/02/2011, n. 200, de 01/07/2011, n. 214, de 20/04/2012 e n. 241, de 29/05/2014 todas em pleno vigor e eficácia.
A formação destes profissionais segue rígido controle técnico e pedagógico, devendo o mesmo possuir curso de especialização lato-sensu em instituição reconhecida pelo MEC, capacitando-os a todos os procedimentos mencionados nas normas em referência, dentre os quais os procedimentos do tipo ‘invasivos não-cirúrgicos ou minimamente invasivos’.
Lamentamos imensamente o óbito da paciente, mas tal evento por si só não desqualifica toda uma categoria de profissionais de biomedicina que atuam neste segmento.
Esclarecemos que até a elaboração desta nota não obtivemos qualquer identificação concreta da profissional envolvida ou sua qualificação, sequer sendo possível afirmar tratar-se de biomédica. No dia 29/10/2014, por meio de nota de esclarecimento, o Conselho Regional de Biomedicina – CRBM3 declara que a pessoa que realizou tal procedimento, até o presente momento, não foi identificada como profissional registrada em sua jurisdição.
Também não havia nenhuma conclusão pericial sobre a ‘causa mortis’ e sua relação com os procedimentos mencionados.
Repudiamos veementemente a afirmação de alguns profissionais de medicina de que procedimentos estéticos somente podem ser realizados por médicos, por absoluta falta de amparo técnico e legislativo.
Aproveitamos para alertar a população, que antes de optar por realizar qualquer tipo de procedimento na área da estética, o paciente procure informações nos Conselhos de Classe e Associações de Especialistas sobre o profissional que irá atendê-lo(a).
Atenciosamente,
Dra. Ana Carolina Puga – CRBM: 5589
Presidente da SBBME
Fonte:http://www.sbbme.org.br/

Marlene Franco Lopes Sabião

novembro 12, 2014 5:25 pm Responder

A culpa é a ganância por dinheiro. Falta de respeito, profissionalismo, de amor com o próximo e falta de amor com a profissão. Colocando em risco todos os outros profissionais que vestem a camisa e fazem acontecer.

Abraço ,PARABÉNS.

Renata

novembro 12, 2014 10:32 pm Responder

Perfeito texto!

Merecidas vítimas!

novembro 13, 2014 12:38 am Responder

Muito bem escrito!!!! A culpa é de quem muito quer ganhar e de quem muito quer economizar! a ganância de ambas levaram-nas ao abismo total, uma com vida acabada e outra acabada com vida! ambas gananciosas. Bem informadas sim!!!!! ambas sabiam que fazer um procedimento desses em hotel era o cúmulo e aí pela economia e mesquinhez e levada pela fútil perfeição a qualquer preço! Preço esse que se for de banana faz até dentro do supermercado! E aí eu tenho um texto maravilhoso que fala de quem é a culpa nesses casos: Dificilmente existira alguma coisa nesse mundo que alguem nao possa fazer um pouco pior e vender um pouco mais barato
E as pessoas que consideram somente precos, serao as suas merecidas vitimas.
” john ruskin”
Texto do site: A morte de Maria José Brandão- a pérola mais triste! | Pérolas da Estética

Mariana

novembro 13, 2014 1:34 am Responder

Infelizmente é isso mesmo, a impunidade!

Beatriz

novembro 13, 2014 3:57 am Responder

Sinceramente muitos são os culpados até a Maria , mais essa eu não culpo , sempre fui apaixonada por mim e adoro me embelelezar nunca fiz nenhum procedimento estético , por falta de capital e excesso de medo (ainda bem) outubro do ano passado entrei no pronatec e faço estética (o meu sonho) pensei que iria começar meu curso fazendo uma limpeza de pele e para minha surpresa as cinco primeiras matérias foram nutrição ,marketing, biossegurança,patologia e educação para o trabalho . fiquei passada eu e minha turma pq saber de tudo isso p limpar a cara de alguém ???? Hoje eu sei e agradeço a todos os professores por ajudarem a montar meu caráter profissional sei como ajudar uma cliente a ser ,ficar ,estar e se manter bela , não só por fora mais por dentro . Talvez se eu não tivesse medo e tivesse condições poderia ter sido eu … O mundo joga p todas as mulheres o modelo de beleza perfeita , se voce não seguir esses padrões você pode se considerar feia … Ninguém quer ser feio , mais o que é ser feio … É estar fora dos padrões midiacos, então pessoas fazem essas loucuras sem pensar e sem nem saber os riscos que correm , eu só vim ter noção quando vim p dentro do curso nele aprendi que dinheiro é muito bom mais não paga uma vida. Estamos na lei da oferta e da procura são pessoas leigas procurando beleza e pessoas burras vendendo !!!!

Jane

novembro 14, 2014 10:16 am Responder

É. ..muito triste essa história. .. no coração das pessoas, só existe a ganância pelo dinheiro, ele vem em primeiro lugar…está acima de tudo! Esquecem seus próprios valores e consequentemente o das outras pessoas! Sem generalizar, mas os profissionais já olham para o cliente enxergando um cifrão. ..se aproveitado daquele momento em que a pessoa está em busca de ficar mais bela deixa a vaidade falar mais alto e ficam cegas!!

Guilherme

novembro 17, 2014 6:37 pm Responder

Eu acho que a culpa é de todos os envolvidos. Da escola que ofereceu o curso, da falsa “profissional” e do seu namorado, da vigilância sanitária que recebeu uma denuncia muito tempo antes do caso do falecimento da Maria José, que a tal “biomédica vinha fazendo procedimentos ilegais e não tomaram nenhuma providência.

Cristano dos Santos

novembro 19, 2014 4:51 pm Responder

Realmente é triste ver que se matam pessoas praticando uma profissão na qual você não está preparado para exercer. Se vivêssemos em um País serio, ela seria presa por 30 anos no minimo e seria dado o exemplo. Nunca outra pessoa, a não ser que estivesse louca se atreveria a praticar uma profissão de forma ilegal.

Cristiano dos santos
http://www.esteticanatv.com.br

Comentar